Press "Enter" to skip to content

Tendências de recrutamento para o 2021

Davi Samuel Valukas Lopes 0

O ano que está acabando trouxe muitas mudanças nos processos de recrutamento e seleção, e graças a inovação e criatividade foi possível manter os resultados ou, inclusive, otimizá-los. Desse modo, todas as mudanças positivas desse ano se transformaram nas tendências de recrutamento para 2021 que veremos hoje.

Apesar das dificuldades, foram muitos os benefícios alcançados por meio dessas adaptações e essa aceleração na transformação digital também contribuiu com as tendências que vem por aí.

Neste artigo, queremos lhe mostrar 7 tendências de recrutamento para 2021 que você deve conhecer para pôr em prática o ano que vem e assim otimizar o seu processo para recrutar os melhores talentos.

Vamos lá!

O que nos ensinou 2020?

A disrupção ocasionada pela pandemia trouxe mudanças em todos os processos empresariais e no RH as coisas não foram muito diferentes. Apesar da diminuição de processos seletivos e com uma taxa de desemprego que alcançou 14,6% no terceiro trimestre do ano, alguns dos setores precisaram contratar e tiveram que criar estratégias para otimizar o processo.

O processo de seleção que na sua maioria era totalmente presencial, teve que se transformar em um processo remoto — uma das necessidades que surgiu com o isolamento social — e a adaptação para essa nova modalidade trouxe muita aprendizagem que com certeza ajudará na otimização dos processos.

Um estudo realizado pela Spring Professional, e divulgado com exclusividade pela Exame, mostrou que 55% das organizações tiveram que adaptar os seus processos de seleção e integração, originalmente presenciais, para a modalidade online. Apesar da rapidez com que foram feitas as mudanças, o resultado foi positivo e, como consequência disso, 80% das empresas que fizeram as alterações informaram que pretendem continuar com as novas práticas, inclusive no onboarding.

Vamos ver o que nos espera para o ano que vem?

Tendências de recrutamento para o 2021
Um estudo realizado pela Spring Professional, e divulgado com exclusividade pela Exame, mostrou que 55% das organizações tiveram que adaptar os seus processos de seleção e integração, originalmente presenciais, para a modalidade online.

7 tendências de recrutamento para 2021

1. Uso da inteligência artificial no processo seletivo

Uma das principais tendências para o recrutamento está no uso da inteligência artificial. Um claro exemplo nos mostra PredictiveHire, a empresa australiana que trabalha com soluções para automatizar o processo de recrutamento e seleção, que afirma que a IA terá ainda mais destaque e fará cada vez mais parte dos processos seletivos em 2021, otimizando cada uma das etapas.

Por meio de diversas tecnologias, como os sistemas ATS de recrutamento, chatbots, algoritmos de IA para entrevistas em massa, recrutamento data driven, entre outros, é possível automatizar grande parte do processo de forma adequada.

Contudo, é importante ter claro que apesar que a tecnologia pode ser de grande ajuda no processo de seleção e recrutamento, a IA não pode fazer todo o trabalho.

Devemos encontrar o equilíbrio entre a tecnologia e o fator humano, para que o processo seja realizado com total eficiência e possamos aproveitar o que há de melhor em cada um deles. 

Dessa forma, poderemos nos beneficiar com as vantagens que a inteligência artificial tem para nos oferecer. Veja algumas delas:

  • Reduzir o tempo gasto com a contratação.
  • Melhorar a qualidade dos candidatos, analisando uma base de dados maior.
  • Reduzir o viés inconsciente e gerar maior diversidade.
  • Diminuir os custos de contratação.
  • Otimizar a produtividade de cada recrutador.
  • Oferecer uma melhor experiência aos candidatos.

Com todos esses benefícios, não é difícil de entender por que a IA é uma das fortes tendências de recrutamento para 2021, não é verdade?

2. Social Recruiting 

O Social Recruiting, também conhecido como recrutamento social ou social hiring, é uma estratégia para atrair os melhores candidatos por meio das redes sociais. Com isso, não nos limitamos às redes sociais digitais, mas também as redes sociais físicas que podem ser dos colaboradores que já fazem parte da empresa, clientes, parceiros, etc.

Apesar de que hoje a estratégia foca mais o lado digital, não devemos excluir as outras possibilidades.

A rede social mais utilizada com essa finalidade é o LinkedIn, entretanto, não devemos nos limitar a ela, já que em outras plataformas como Facebook e Instagram também é possível fazer um bom trabalho, tudo depende do tipo de candidato que queremos recrutar.

O importante é utilizar todo o poder das redes sociais para contribuir com o processo de recrutamento e seleção de talentos da nossa empresa.

Tendências de recrutamento para o 2021
O importante é utilizar todo o poder das redes sociais para contribuir com o processo de recrutamento e seleção de talentos da nossa empresa.

3. Employer branding

O Employer Branding é outra das tendências para 2021 que busca atrair, cada vez mais, melhores talentos, esta estratégia tem como objetivo gerar uma percepção positiva sobre sua empresa como local de trabalho, para que dessa forma os melhores talentos queiram trabalhar nela.

Segundo Suzie Clavery, co-fundadora de Employer Branding Brazil e Employer Branding Manager na UnitedHealth, “Employer Branding é tudo o que a empresa oferece de benefícios, que vão muito além salários e cargos, se refere a tudo aquilo que a empresa entrega como proposta de valor, um grande diferencial visto tanto pelos colaboradores que já trabalham com ela hoje, quanto pelas pessoas que ela quer atrair no mercado”.

Além disso, existem diversas estratégias que contribuem com o Employer Branding, no processo de recrutamento e seleção, por exemplo, a experiência do candidato é fundamental para a boa imagem da nossa marca como lugar de trabalho. Por isso, deve ser muito bem trabalhada desde os primeiros contatos.

A importância do Employer Branding está na necessidade, cada vez maior, de ser bem vista para atrair os melhores talentos para uma empresa. Atrair os melhores candidatos é a melhor forma de diminuir o risco de fazer uma contratação errada. Uma vez que, segundo um estudo realizado pela consultoria PwC, encomendado pelo LinkedIn, entre 11 países entre os que se encontra o Brasil, mostra que todo ano se gasta USD 19,8 bilhões, por seleções equivocadas.

4. Entrevistas remotas

As entrevistas remotas hoje são uma realidade e mesmo com o fim da pandemia é uma tendência que continuará graças as vantagens que oferece.

“Antes do isolamento, apenas a parte inicial de preenchimento de currículo acontecia na nossa plataforma. Agora é tudo digital. Já contratamos mais de 400 pessoas desde março.” diz Sergio Piza, diretor da Kabin em entrevista para a UOL se referindo às contratações digitais.

Cada vez mais, estamos nos acostumando a fazer tudo de forma digital e dificilmente voltaremos aos mesmos hábitos que tínhamos antes da pandemia.

A facilidade que oferecem as entrevistas remotas por videochamadas, tanto para o recrutador quanto para o candidato, farão que essa prática permaneça entre as rotinas dos processos de recrutamento e seleção nos próximos anos.

“Processos a distância permitem que o candidato se prepare melhor e possa mostrar melhor as suas competências”, comentou a diretoria-executiva de recursos humanos do Hospital Albert Einstein, Miriam Branco Da Cunha em entrevista a Você RH.

Em definitiva, é importante utilizar essa ferramenta de forma correta e fazer uma análise completa do candidato, apesar de não estar no mesmo ambiente físico.

Tendências de recrutamento para o 2021
A facilidade que oferecem as entrevistas remotas por videochamadas, tanto para o recrutador quanto para o candidato, farão que essa prática permaneça entre as rotinas dos processos de recrutamento e seleção nos próximos anos.

5. Pessoas como centro da estratégia

Apesar do uso a tecnologia devemos ter as pessoas, nesse caso os candidatos, como centro de toda estratégia. 

Se nos preocuparmos em atrair os candidatos certos e fazemos todo um trabalho com essa finalidade, não podemos perder aqueles talentos na etapa de recrutamento, não é?

Para isso devemos otimizar o processo para acolher o candidato e obter todas as informações que precisamos para fazer a melhor eleição na menor quantidade de etapas possíveis.

Valorizar o candidato em todo momento já era importante, mas será uma tendência cada vez mais forte na busca dos melhores talentos do mercado.

6. Equilíbrio entre tecnologia e humanização

Se bem que a tecnologia faz cada vez mais parte do nosso dia a dia, a necessidade do contato humano permanece presente e com o isolamento ocasionado pela pandemia, a humanização é muito mais valorizada ainda.

A humanização durante o processo seletivo remoto é uma forma de compensar de alguma maneira a impessoalidade das máquinas, que deve ficar bem claro, não podem fazer todo o trabalho de recrutamento e seleção.

Encontrar o equilíbrio fará que a efetividade, tanto do processo quanto da experiência do candidato, seja alcançada.

Tendências de recrutamento para o 2021
A humanização durante o processo seletivo remoto é uma forma de compensar de alguma maneira a impessoalidade das máquinas, que deve ficar bem claro, não podem fazer todo o trabalho de recrutamento e seleção.

7. Diversidade e inclusão

Uma tendência que já vinha desde anos passados continua mais forte do que nunca e fortalece a humanização em toda a empresa. Entretanto, seus benefícios vão muito além da imagem da marca, na verdade, essa apenas é uma consequência. 

As empresas têm muito a ganhar com a diversidade e inclusão, já que quanto maior a diversidade mais diversas são as formas de pensamento, proporcionando uma variedade exponencial de ideias que dificilmente se obtêm em um ambiente mais homogêneo.

Em uma entrevista para Conexão Planeta, Neivia Justa, co-fundadora da C-Level Diversiity, menciona “Parece simples, mas nem sempre é óbvio ou fácil. Se não houver um ambiente inclusivo, que acolha sem preconceito, não haverá diversidade no ambiente corporativo. E sem isso, não haverá inovação e, sem inovação, a empresa não sobreviverá.”

As tendências de recrutamento para o ano que vem, acompanham muito bem o contexto atual e contribuirão com a recuperação econômica do país. Gradualmente, as empresas retomarão o seu ritmo de crescimento e para isso precisam estar preparadas para encontrar os melhores talentos.

Neste artigo vimos 7 tendências de recrutamento para 2021 de forma bastante geral, porém, se você quer saber mais, baixe o nosso e-book: Tendências de Recrutamento para 2021. Nele, você encontrará as dicas e os detalhes sobre o uso dos sistemas ATS, chatbots, entrevistas em massa, recrutamento data driven, experiência do usuário e muito mais!

eBook – Guia Tendências de Recrutamento para 2021

Para se aprofundar no tema do artigo, baixe gratuitamente nosso e-book Guia Tendências de Recrutamento para 2021.

Para fazer o download, clique no botão abaixo.

Que esse material te ajude a ter um 2021 de muito sucesso! Nos vemos lá.

Um abraço!

Equipe Recrutei

Compartilhe esse artigo nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *